Quanto o Mercado Livre cobra por venda? Atualizado 2021

Você sabia que muitas pessoas que já realizam vendas no Mercado Livre não sabem exatamente quanto custa cada venda?

O número aumenta quando falamos de pessoas que já cadastraram produtos mas ainda não realizaram os primeiros pedidos.

Durante o cadastro, é possível escolher a modalidade do anúncio e ver quanto será descontado quando a venda for realizada, mas, principalmente quem não é experiente na área ou não tem conhecimentos sobre ROI (Retorno Sobre o Investimento) ou não sabe muito sobre a diferença de margem bruta, margem líquida e outros indicadores importantes, pode ser perder e acabar vendendo no Mercado Livre sem ter lucro algum, ou pior: ficando no prejuízo!

Saiba abaixo quanto o Mercado Livre cobra por venda: 

CategoriasClássicaPremium
+R$ 5 por unidade em produtos abaixo de R$ 99
Celulares e Smartphones10% 15% 
Suplementos12%17%
Tênis14%19%
Luminárias de Teto, Solares e Arandelas12%17%
Notebooks10%

15%

Tratamentos para o Cabelo11%16%
Calças14%19%
Fones e Headsets11%16%
Camisolas e moletons14%19%
Botas12%17%
Bicicletas12%17%
HDs e SSDs10%

15%

Roteadores10%

15%

Relógios de Pulso14%19%
Smartwatches10%

15%

Computadores10%

15%

Impressoras10%

15%

Televisores 10% 15%

Caixas de Som e Autofalantes10%

15%

Media Streaming10%

15%

Conhecer essa tabela é imprescindível se você quer vender produtos no Mercado Livre.

Muitas vezes o empreendedor possui uma loja online e quer colocar os produtos que oferece na sua loja, dentro do Mercado Livre.

Existem plataformas que fazem isso automaticamente e também existem empresas que oferecem esse produto, além da possibilidade de fazer isso de forma manual, em massa ou unitariamente. Até aqui, nenhum problema.

O problema começa quando o vendedor faz isso de forma automatizada ou simplesmente replica os preços, sem considerar que as taxas do Mercado Livre tendem a ser bem mais altas do que as praticadas pelo seu gateway ou intermediador de pagamentos.

Exemplo de Quanto Custa Vender no Mercado Livre

Vamos usar o exemplo da Joias Boz, com autorização da CEO da marca, Bruna Bozano:

Ao vender um modelo de brinco pequeno, com preço de R$39,00 na loja, oferecendo 5% de desconto em uma transação por boleto ou depósito, ou ainda, pagando essa porcentagem para o intermediador de pagamentos em uma transação por meio de cartão de crédito, a loja recebe R$37,05, de onde ainda serão descontadas outras despesas fixas, custo do produto e, em alguns casos, o custo de venda relacionado com CPC (custo por clique) ou custo por campanha para a venda do produto.

Ao vender o mesmo par de brincos pequenos no Mercado Livre por R$39, a loja teria que descontar os 19% cobrados pela categoria e + R$5,00 de taxa fixa, restando apenas R$26,59.

Consegue notar o quanto isso pode ser perigoso para o negócio?

O mesmo produto pode deixar R$37,05 ou R$26,59 no caixa da empresa. O ponto aqui não é dizer se é vantagem ou não vender no Mercado Livre e sim, ressaltar que deve-se ter um cuidado muito específico em relação à precificação, para que as vendas não resultem em prejuízo e até na falência de um negócio.

No caso da Joias Boz, por exemplo, a estratégia é anunciar produtos com preço acima de R$99 para não pagar a taxa de R$5 por venda e, no caso de produtos com preços mais baixos, oferecer as peças em kits, onde o cliente pode adquirir dois ou três pares de brincos por um preço promocional e assim, não só a loja não paga essa tarifa extra como aumenta o ticket médio e beneficia o cliente dando a ele o desconto que seria aplicado em taxas sem retorno.

Infelizmente, a falta de experiência e de especialização na área financeira faz com que muitas pessoas não saibam a diferença de faturamento e lucro e não são poucas as pessoas que aumentam suas dívidas na mesma proporção em que aumentam suas vendas, por estarem acumulando prejuízo a cada pedido.

Sabendo usar o Mercado Livre e sabendo exatamente quando o Mercado Livre cobra por venda, você pode aproveitar esse grande canal, sem causar prejuízos ao seu negócio.

Você deve ter notado na planilha acima que existem três tipos de anúncios. O Grátis, o Clássico e o Premium.

Quanto Custa Cada Tipo de Anúncio do Mercado Livre

 GrátisClássicoPremium
Exposição BaixaAltaMáxima
Duração60 diasIlimitadaIlimitada
Oferece parcelamento sem acréscimo   
Oferece Mercado Pago   
Tarifa de anúncioGrátisGrátisGrátis

Características de cada tipo de anúncio do Mercado Livre:

  • Grátis: baixa exposição.
  • Clássico: alta exposição.
  • Premium: exposição máxima e oferece parcelamento em até 12x sem juros.

A princípio, pode parecer muito atraente anunciar de forma grátis, mesmo que com baixa exposição, para poder testar os anúncios, porém, há algumas limitações que fazem com que desde o início, a maioria dos vendedores optem em anunciar pelo modelo clássico, já com algumas tarifas a serem descontadas na venda.

Ao montar uma conta profissional, por exemplo, já não é mais possível utilizar o anúncio grátis.

Outro ponto que deve ser levado em conta é o tempo que leva entre a sua venda e a disponibilização do dinheiro para uso, então, tenha em mente que isso não ocorre imediatamente e você precisará de capital de giro para sustentar suas vendas pelo Mercado Livre.

Se usar o Mercado Envios, tiver reputação como vendedor e o produto for novo, seu dinheiro estará disponível 2 dias após a entrega do produto.

Se usar o Mercado Envios e não tiver reputação como vendedor ou o produto for usado, seu dinheiro estará disponível 6 dias após a entrega do produto.

Se você faz envios por conta própria, poderá usar o dinheiro 11 dias após o comprador receber o produto sem a necessidade da confirmação dele! De qualquer forma, se ele nos avisar que está tudo correto, você terá o dinheiro imediatamente.

 Se você se esquecer de marcar que entregou o produto, possuir pouca reputação e assiduidade na plataforma, você terá o dinheiro após 28 dias da data da aprovação do pagamento. Além disso, há validações automáticas que são realizadas para garantir a segurança da negociação e em alguns casos isso pode afetar o prazo de disponibilidade para o máximo (28 dias).

Tendo em mente todas essas informações e fazendo todos os cálculos com bastante paciência e cuidado, vender no Mercado Livre pode ser uma ótima forma de aumentar sua receita com vendas.

Sucesso!

Leia também: Reforma de Apartamento

Leave a Comment